Tag Archives: Sugar Kane

Discografando #1 – A Continuidade da Máquina

11 fev

Fala amantes do rock e loucos por batidas musicais.

Estou estreando mais um novo quadro, uou ai sim! Essa sequência de post, entretanto é um pouco diferente, será postado uma vez por semana pelo menos um CD com cada música analisada por nós do Som que Provoca.

Sendo um grande fã da banda Sugar Kane,  eu escolhi o CD “A Continuidade da Máquina”, como o primeiro por aqui. E lógico que não foi a toa, para quem acompanha a banda, sabe que este foi o principal responsável pela trajetória da banda até hoje, por ter ganhando um respeito e é inegável não falar que de todos os sucessos do grupo, 7 músicas estão entre as 12 faixas do Continuidade.

Lógico que se vocês tiverem algumas sugestões elas sempre serão bem vindas. É isso ai e que o som continue nos provocando!

Abraço.

Sugar Kane – A Continuidade da Máquina [2003]


01. Janeiro –
Um dos maiores hits, da banda, possuindo uma das melhores versões acústicas e também faixa garantida em todos os shows. Janeiro consegue misturar a simplicidade a agitação, acredito que quem não a ouviu, não ouviu Sugar Kane.
02. Estou Cansado –
Sinceramente eu tenho que admitir, apesar de ter uma boa pegada, é a típica música para passagem, aquela que fica no meio do CD e que raramente é tocada em shows.
03. Por Vir –
Mesmo sendo uma das mais pegadas da banda é uma das menos conhecidas, porém tive algumas oportunidades de acompanhá-la em shows, é ótima para agitar e claro possui uma boa letra.
04. Velocidade –
Em minha opinião, a melhor de todas. A batida desde o começo é intrigante, muito técnica, com um bom refrão e que sempre agita os shows, não deve sair do set list nunca.
05. Abraço –
Por ser uma música curta, a concorrência com as outras músicas não é muito favorável para Abraço, mas para quem escutar o álbum, provavelmente vai gostar desta faixa.
06. Correr Ou Lutar –
A mesma opinião de “Estou Cansado”.
07. A Máquina –
Com certeza um dos hits do grupo, não é a toa que abriu por pelo menos 4 anos todos os shows, com guitarras afinadas, é sucesso garantido e um excelente recado de “boas vindas” nas apresentações.
08. Minha Liberdade –
Desde o seu lançamento, está presente nas listagem dos shows, porém por ser uma música um pouco comum ao estilo da banda, muitas vezes perde espaço, mas vale uma recomendação, principalmente para quem gosta de letras expressivas.
09. Meus Amigos –
Letra e melodias simples e tendo isto não ganhou muito destaque até da própria banda.
10. Reviver –
A mesma opinião da música “Minha Liberdade”, mas vale destacar o peso das guitarras, que dão com certeza uma vida a mais para toda a letra.
11. Despedida –
De todos os fãs da banda, acredito que todos destacariam esta música como a que tem a letra mais bonita, do início ao fim, a faixa até um pouco simplória, se destaca pelas belas palavras.
12. Harmonizar –
Sem muito o que falar, basicamente é aquela típica faixa para compor CD, aquela que praticamente todas bandas chutam para último.

 

Gostou? Não curtiu? Tem alguma sugestão? Bora comentar!

Anúncios

Sugar Kane: O último dos Undergrounds.

19 set

1251144127289_f

É assim que podemos chamar a banda Sugar Kane que está na cena desde 1997, uma das únicas bandas que não se deixou levar pela nova moda “colorida”. Neste dia 19 será lançado o novo cd de trabalho da banda “A Maquina que Sonhava Colorido” que vem recheado de músicas com aquele velho tom de revolução e conceitos jovens que marcavam a cena antigamente.

A cena atual mostra que a grande revolução é manter a tradição.

Comunidade

Fotolog

Myspace

Twitter

Youtube