Tag Archives: alien

Trilha Sonora:Os Caça-Fantasmas (1984)

15 maio

Quem nunca ligou a Tv pra assistir alguma coisinha e se deparou com esse filme, não sabe o que é infância 90tista!^^ Os Caça-Fantasmas é e sempre será um ótimo entretenimento, um eterno Sessão da Tarde/Cinema em Casa. Todas as vezes que sei de sua “presença” em algum canal tento assistir, me traz muitas lembranças, uma nostalgia boa!!!

SINOPSE: Três cientistas de uma renomada universidade americana, passam o tempo a pesquisar sobre fatos paranormais, mas quando a subvenção de seus estudos é cortada, eles devem procurar algo novo, e que pague suas contas. Nessa procura por liberdade financeira, eles têm a idéia de criar uma “exterminadora de fantasmas” denominada ‘Ghostbusters’. A princípio não obtem muito sucesso, contudo, após o desenvolvimento de algumas “armas” especiais e um capturador de ectoplasmas, o quarteto (agora com um novo integrante, devido a demanda de chamados) começam a ter uma grande projeção na mídia, ganhando ainda mais fama.

As cenas hilárias que misturam a atuação de Bill Murray (Dr. Peter Venkman), Dan Aykroyd (Dr. Raymond Stants), materializações de espíritos (O Fantasma de Marshmallow é o melhor ^^), e a presença de Sigourney Weaver (da série de filmes Alien) fazem a tônica e a graciosidade do filme. Entretenimento que quando termina você diz: “Mas Já!” e pede pra assistir novamente. Além de uma trilha sensacional, como a clássica Ghostbusters – Ray Parker Jr. e I Can Wait Forever – Air Supply.

Ghostbusters – Ray Parker Jr. (Música clássica!!Vejam que vale a pena relembrar ^^)



Good Vibes!!! *-*


Trilha Sonora: O Exterminador do Futuro 2 – O Julgamento Final (1991)

24 abr

Buenos dias muchachos!! Como estão? Preparados pra mais um Trilha Sonora? Eu estou, ainda mais pelo filme ter sido lançado no mesmo ano que o papai aqui nasceu!! *-*

Nosso filme de hoje é uma mega power produção, continuação do filme de 1984 de James Cameron (receberá mais destaque no final do post). Foi na época, uma das produções mais caras (primeira a custar mais de 100 milhões de doletas), mais ambiciosa (efeitos especiais jamais vistos) e mais bem-sucedida (arrecadou mais de 520 milhões das mesmas doletas). Sendo por muitos, uma das mais bem-feitas sequências de Hollywood: a revolução que propôs em seus efeitos especiais foi possível devido o pesado patrocínio da Pepsi, marketando em muitas cenas do filme.

SINOPSE: Após falhar na tentativa de matar Sarah, a Skynet manda um androide (T-1000) para matar John Connor (filho de Sarah, e quem no futuro comandará uma guerra contra os robôs); em contraposição, a resistência envia um modelo mais antigo e reprogramado (T-101, Arnold Schwarzenegger, que era o androide ruim no primeiro filme). A característica mais mortal do modelo T-1000 é o fato dele ser feito de metal liquido, podendo mudar de forma, além de ser bem mais dificil de destruí-lo.

Após resgatarem Sarah do manicômio em que passara algum tempo (desde que tivera o primeiro contato com os androides no primeiro filme), os 3 vão até um traficante de armas mexicano amigo de Sarah e se armam. Sarah rouba o carro e vai embora sozinha para a casa de Miles Dyson, futuro criador da Skynet. Embora tente, ela não consegue matá-lo. John e 101 chegam e revelam tudo a Dyson, e para provar que estão falando a verdade, T-101 arranca a pele de seu braço mostrando seu braço mecânico. Dyson então explica que a tecnologia que está sendo usada para criar a Skynet vem daquele tipo de braço (do robô que tentou matar Sarah no filme anterior).

Os 4 vão até o laboratorio e abrem o cofre pegando o braço e o chip, além de armarem explosivos por todo o laboratório. T-1000 aparece e vai atrás dos 3, que fogem para uma refinaria de aço. T-1000 se transforma em Sarah e vai atrás de John, mas a Sarah verdadeira aparece e o fuzila, fazendo com que ele vá cada vez mais para trás para um poço de metal derretido, e quando falta apenas um tiro para derrubá-lo, a munição acaba, contudo, nesse exato momento, T-101 dispara o último tiro que tinha, fazendo T-1000 cair no poço, derretendo. John joga o braço no poço e T-101 desce para dentro do poço também, a fim de destruir qualquer tipo de tecnologia que possa ser utilizada para a criação da Skynet. Aparentemente o futuro estava salvo.

James Cameron:

-Primeiro cineasta a produzir e dirigir um filme com investimento superior a 100 milhões de dólares

-Produziu Titanic (orçamento de 200 milhões e 11 Oscars); Alien: O Resgate (2 Oscars), Avatar ( a maior bilheteria de todos os tempos, faturou mais de 2 bi de dólares); Rambo

-O cara é bom ^^

A trilha do filme fica por conta dos “sujos” do Guns ‘N Roses, com “You Could Be Mine” que torna o filme ainda mais Heavy e eterno. Mesmo com todas esses estereótipos de filminho comercial, O Exterminador do Futuro 2 conseguiu arrancar da academia 4 estatuetas do Oscar. Não é pra qualquer um né!!! ^^

Fiquem com a versão de Guns ‘N Roses, com “You Could Be Mine”

Good Vibes!!!*-*

Trilha Sonora: O Fabuloso Destino de Amélie Poulain (2001)

2 jan


  

            Hoje o nosso Trilha Sonora é uma indicação de Cinara Mesquita Aragão, SP, que gentilmente passou algumas informações sobre o filme. Como ainda não tive a oportunidade de assistí-lo, vou repassar essas informações e mais algumas pesquisadas.

            SINOPSE: Amelie é uma moça francesa que foi criada longe das outras crianças,em sua infância,  pois seu pai acreditava que ela tinha uma espécie de anomalia no coração, que a cada exame (feitos pelo próprio pai) mostrava que seus batimentos seguiam um ritmo muito rápido e descompassado.O que ninguém quiçá tinha noção, era que esta ‘anomalia’ não tinha nada de anormal, seu coração só mantinha aquele ritmo e aceleração porque Amelie ficava muito tensa por manter aquele único contato físico com o pai. Sendo privada de uma criação comum, Amelie é alfabetizada por sua mãe, que acaba falecendo prematuramente.Após estes traumas, ela passa a seguir um conceito diverso sobre o mundo e as pessoas.

            Já crescida e morando num bairro de paris, Amelie trabalha como garçonete, tendo uma vida simples e só. Contudo quando entra no banheiro de seu apartamento, encontra uma caixa com figurinhas e alguns brinquedos, certamente do antigo morador do apartamento. Determinada a encontrar este tal inquilino e lhe devolver seus pertences, Amelie fica encantanda quando o consegue e percebe que o homem, Dominique, fica imensamente feliz pela devolução.Após esta façanha alcançada, Amelie começa a praticar esses pequenos gestos, significativos, para outras pessoas, pois isso a tornava cada vez mais entendida de si mesma e voluntária com a própria felicidade.E assim, em uma dessas suas realizações, ela encontra o amor de sua vida, e isso faz com que sua visão sobre tudo e todos também começasse a mudar.

CURIOSIDADES:

-A fotografia do filme é incrível devido ao brilho sedutor e às sobreposições de cores (vermelho e verde), que embelezam e realizam uma configuração única; em destaque, essas características, são perceptíveis no apartamento de Amelie, na estação de trem e também na fase criança, da protagonista.

-A atriz que interpreta Amelie Poulain criança, atualmente mora em Ilhabela, SP.

-Existe um série de Tv baseada no enredo do filme.Pushing Daisies é apresentado na Warner channel Brasil

-Em toda apresentação de novos personagens, contrastando nas cenas, aparecem as coisas que eles mais gostam ou, com outros personagens novos, aparecem o que eles mais desgostam; como que caracterizando cada um dos personagens. Muito interessante esse atento!

-A atriz que interpreta Amelie Poulain , Audrey Tauton, participou também do filme baseado no bestseller O Código Da Vinci, como a criptóloga Sophie Neveu.

-O diretor, Jean-Pierre Jeunet, anteriormente a este longo, havia produzido Alien: A Ressurreição

            O filme que teve 5 indicações ao Óscar, incluindo os de Melhor Filme Estrangeiro e o de Melhor Roteiro Adaptado, tem uma lista de canções, em sua trilha sonora, invejável. O longa investiu em clássicas canções francesas, como: La Maison, Le Moulin, La Dispute, além de outras 21 canções.

      Bom, como disse logo no início, este é um filme que, por indicação de muito bom gosto, pretendo assistir o mais breve possível. Resolvi postar agora, como uma indicação, porque precisava repassá-la a vocês, e como confio muito na opinião da nossa indicadora de hoje, Cinara Mesquita Aragão, não foi nada difícil!…Ahh, e como dica da própria Cinara: o interessante é assistir ao filme ainda legendado, pois mantém a magnífica essência francesa presente no cinema desde grandes clássicos como Eterno Amor, O Pianista e Piaf _ Um Hino Ao Amor.

  

Good Vibes!!!*-*